Em maio Nhã Chica será beatificada

img-nha-chicaFrancisca de Paula de Jesus, carinhosamente chamada de Nhá Chica, será a próxima beata brasileira. A cerimônia de beatificação será no dia 4 de maio na cidade de Baependi (MG).

Desde 2007, a causa de canonização de Nhá Chica está aguardando o anúncio de sua beatificação. A cura aceita pela Comissão de Médicos do Vaticano refere-se a uma professora aposentada de Caxambu (MG), que, em 1995, pediu a intercessão da leiga e teve resolvido – sem necessitar de cirurgia – um problema congênito muito grave no coração. Após análise de vários peritos, a graça foi aceita pelo Vaticano.

Veja, abaixo, a programação da beatificação:

Programação Espiritual para a Beatificação de Nhá Chica em Baependi – MG

26 de abril (Sexta-feira) - 203 anos do Batismo de Nhá Chica

7h – Celebração Eucarística, no Santuário da Imaculada Conceição

15h – Terço pela Beatificação de Nhá Chica, no Santuário da Imaculada Conceição

19h – Celebração do Sacramento do Batismo, no Santuário da Imaculada Conceição

27 de abril (Sábado) – Nhá Chica, mulher pobre e rica de Fé

10h – Missa aos Benfeitores, no Santuário da Imaculada Conceição

15h – Terço pela Beatificação de Nhá Chica, no Santuário da Imaculada Conceição

19h – Celebração Eucarística na Igreja Matriz

 

28 de abril (Domingo) – Sede Santos, como Vosso Pai é Santo

7h – Celebração Eucarística, na Igreja Matriz

9h – Celebração Eucarística, no Santuário da Imaculada Conceição

10h – Celebração Eucarística, na Igreja Matriz

11h – Celebração Eucarística, no Santuário da Imaculada Conceição

15h – Terço pela Beatificação de Nhá Chica, no Santuário da Imaculada Conceição

19h – Celebração Eucarística na Igreja Matriz

Início da Jornada da Beatificação

29 de abril (Segunda-feira) – O Senhor fez em mim maravilhas, Santo é o Seu nome

15h – Terço pela Beatificação de Nhá Chica, no Santuário da Imaculada Conceição

18h30 – Procissão da Matriz ao Santuário da Imaculada Conceição em seguida Celebração Eucarística

Após a missa show com a Banda Trilhos do Céu, na quadra da ABNC

30 de abril (Terça-feira) – Felizes os pobres de espírito, porque deles é o Reino dos céus

5h – Procissão da Penitência e Celebração Eucarística na Igreja Matriz

15h – Terço pela Beatificação de Nhá Chica, no Santuário da Imaculada Conceição

19h – Celebração Eucarística, no Santuário da Imaculada Conceição

01 de maio (Quarta-feira) – Felizes os mansos, porque possuirão a Terra

5h – Procissão da Penitência e Celebração Eucarística na Igreja Matriz

5h – Saída oficial da Peregrinação de Nhá Chica da Igreja Matriz de São Lourenço em direção ao Santuário da Imaculada Conceição, em Baependi

9h – Missa do Romeiro, no Santuário da Imaculada Conceição

11h – Missa do Romeiro, no Santuário da Imaculada Conceição

15h – Terço pela Beatificação de Nhá Chica, no Santuário da Imaculada Conceição

19h – Celebração Eucarística, no Santuário da Imaculada Conceição

02 de maio (Quinta-feira) – Felizes os que têm fome de justiça porque serão saciados

5h – Procissão da Penitência e Celebração Eucarística na Igreja Matriz

8h – Início da adoração do Santíssimo que se estenderá o dia todo, no Santuário da Imaculada Conceição

15h – Terço pela Beatificação de Nhá Chica, no Santuário da Imaculada Conceição

18h30 – Bênção do Santíssimo

19h – Celebração Eucarística, no Santuário da Imaculada Conceição

03 de maio (Sexta-feira) – Felizes os que promovem a paz, porque serão chamados Filhos de Deus

5h – Procissão da Penitência e Celebração Eucarística na Igreja Matriz

15h – Via Sacra pelas ruas da cidade (última estação na casa de Nhá Chica com oferta de flores)

19h – Celebração Eucarística, no Santuário da Imaculada Conceição em seguida procissão em direção à Igreja Matriz (levar vela para a procissão)

Neste dia haverá Vigília na Igreja Matriz durante toda a madrugada e a igreja da Imaculada Conceição ficará aberta para visitação a partir das 21 horas.

04 de maio (Sábado) – Dia da Beatificação de Nhá Chica – A vida dos justos está nas mãos de Deus

8h30 – Bênção do Santíssimo, em seguida Celebração Eucarística, na Igreja Matriz

15h – Solene Celebração Eucarística da Beatificação de Nhá Chica, na GA Pedras, próximo ao Portal da cidade.

05 de maio (Domingo) – Isto acontece porque rezo com Fé

7h – Celebração Eucarística, na Igreja Matriz

10h – Missa em Ação de Graças pela Beatificação de Nhá Chica, no mesmo local da missa da Beatificação, na GA Pedras

18h – Procissão da Igreja Matriz para o Santuário da Imaculada Conceição, em seguida Celebração Eucarística na quadra da ABNC

A partir do dia 30/04 – Atendimento de Confissões no Santuário da Imaculada Conceição das 9h às 11h e das 14h às 17h – e visitas aos enfermos nas comunidades

12h – Repiques dos Sinos todos os dias

Sobre estes anúncios

Brasil vai ter nova beata: Milagre atribuído a Nhá Chica entre os decretos do Vaticano

Cidade do Vaticano, 28 jun 2012 (Ecclesia) – Bento XVI aprovou hoje a publicação do decreto que abre caminho à beatificação da leiga brasileira Francisca de Paula de Jesus (1810-1895), conhecida como “Nhá Chica”.

O documento reconhece um milagre atribuído à intercessão da futura beata nascida no Estado de Minas Gerais e neta de escravas, que não sabia ler nem escrever.

Este reconhecimento encerra o processo que leva à beatificação de um fiel católico, penúltima etapa para a declaração da santidade.

A sala de imprensa da Santa Sé publicou ainda outros 16 decretos relativos a beatificações, com destaque para q declaração oficial do martírio de 155 fiéis durante a guerra civil espanhola (1936-1939).

Os documentos foram aprovados durante a audiência concedida pelo Papa ao cardeal Angelo Amato, prefeito da Congregação das Causas dos Santos.

A canonização, ato reservado ao Papa desde o século XIII, é a confirmação, por parte da Igreja Católica, que um fiel católico é digno de culto público universal e de ser apresentado aos fiéis como intercessor e modelo de santidade.

Nos primeiros séculos da Igreja, o reconhecimento da santidade acontecia em âmbito local, a partir da fama popular do santo e com a aprovação dos bispos.

A canonização, ato reservado ao Papa desde o século XIII, é a confirmação, por parte da Igreja, que um fiel católico é digno de culto público universal e de ser apresentado aos fiéis como intercessor e modelo de santidade.

Nhá Chica será próxima beata do Brasil

Começa uma nova etapa para a difusão da causa dos candidatos a santo no Brasil. Uma boa novidade sobre a beatificação de Nhá Chica, Venerável que viveu e morreu em Baependi, sul de Minas Gerais, foi destacada no encontro realizado em Mairiporã (SP), que começou na quinta-feira, 23, e terminou no sábado,25.

Veja o vídeo:

Nhá Chica

Nhá Chica a um passo da beatificação

O papa Bento XVXI reconheceu, nesta sexta-feira, 14, as virtudes heróicas da Serva de Deus Francisca de Paula de Jesus, conhecida como “Nhá Chica”. O reconhecimento faz parte da lista de decretos assinados por Bento XVI, que recebeu em audiência o prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, cardeal Angelo Amato, após a plenária dos bispos e cardeais da Congregação, ocorrida dia 11.

“Este é o penúltimo passo rumo à beatificação”, explica dom Diamantino Prata de Carvalho, bispo da diocese de Campanha, responsável pela introdução do processo de canonização de Nhá Chica. O próximo passo rumo à beatificação é o Vaticano reconhecer um milagre ocorrido pela intercessão de “Nhá Chica”. O milagre em estudo teria acontecido em 1995, quando a professora Analúcia Meirelles Leite, moradora de Caxambu (MG), foi curada de um problema congênito muito grave no coração, sem passar por cirurgia, somente através das orações à Serva de Deus Nhá Chica.

“Virtudes heroicas, ou simplesmente virtude heroica, é a designação canônica dada ao conjunto de requisitos de exemplaridade de vida que devem ser demonstrados para que se inicie o processo formal de canonização dentro da nossa Igreja Católica”, esclarece dom Diamantino. “A demonstração da existência de virtude heróica é feita pela análise, post mortem, do comportamento e percurso de vida do candidato à santidade, tendo de ficar claro, e para além de qualquer dúvida que, em vida, a conduta do candidato se pautou pela prática para além do comum das virtudes teologais e das virtudes cardeais”, acrescenta.

Como começou

O movimento pela canonização de Nhá Chica começou em 1952. Em 1991, Nhá Chica recebeu da Congregação das Causas dos Santos do Vaticano o título de Serva de Deus. A Comissão em prol de sua beatificação foi instalada em 14 de janeiro de 1992. Já o Processo Informativo Diocesano começou em julho de 1993, tendo sido encerrado em 1995, quando foi para Roma.

História

Nhá Chica nasceu em São João Del Rei (MG) em 1810. Era descendente de escrava, analfabeta. Passou quase a totalidade de sua vida no município de Baependi (MG) onde se dedicou às obras da Igreja e a ajudar aos mais necessitados.

Construiu uma pequena igreja dedicada à Mãe de Deus ao lado da casa onde morava. Esta igreja tornou-se o Santuário Nossa Senhora da Conceição. A Serva de Deus morreu em Baependi no dia 14 de junho de 1895.

por Marquione Ban

imagem internet

fonte CNBB