A cabeça da serpente, da jararaca e jararaquinhas

Neste final de semana Dom Darci, bispo auxiliar de Aparecida, chocou a ala “libertadora” da Igreja e foi ovacionado pela ala “tradicional”. Veja:

A menção de Dom Darci, arcebispo de Aparecida, clara, ao ex-presidente Lula levanta algo mais profundo para ser debatido. Dois temas para ser preciso. A unidade eclesial e também a permanência de jararaquinhas em nossa sociedade.

Dom Darci, fez uma prece ao Pai neste domingo, onde ele se mostra mais misericordioso para com os seus filhos. Em sua prece ele pede para que Deus nos dê força para esmagarmos a cabeça das serpentes e daqueles que se denominam jararacas.

Um pedido apenas. Um prece e oração. Esse fato repercutiu entre jararacas, entre sapatos e entre aqueles que não sabem onde pisar. Foi oportunizado pelos Neves, chuchus e etc. Farinhas do mesmo saco. E, é esse o fato que me levou a escrever. Como disse, dois tópicos podem ser levantados da oração de Dom Darci.

Vamos a unidade eclesial

Sim, ela deve ser debatida. Um dos poucos bispos e poucos padres a mencionar os fatos de corrupção, mesmo que usando metáfora, foi Dom Darci. Não vemos posicionamento da CNBB. Ou melhor, vemos um claro fechar de olhos a situação atual.

A corrupção está aí e deve ser aniquilado de nosso meio. Dom Darci está sob ataque. Isso porque se posicionou e orientou seu rebanho. Mas, só ele é pastor? Não. Onde estão os demais. Orar pela pátria é nosso dever e fazer dela uma boa casa também.

A falta de unidade ao pensarmos sobre política, mostra como estamos desentrosados em outros aspectos. Campanhas da fraternidade que falam de tudo, menos de como anda nossa fé. Em cada comunidade que vou, vejo uma liturgia. E aqui, ressalvo o ótimo trabalho do meu bispo Dom Marco Aurélio Gubiotti, que unifica a Diocese de Itabira faz jus ao legado dos bispos anteriores.

Falar o mesmo discurso não significa unidade. Eu sei. Mas estar em sintonia com o que precisa ser dito e feito sim. É necessário sim, esmagar a cabeça da jararaca, das serpentes que assombram nosso povo. Sejam elas do mensalão, petróleo, da merenda escolar, do “helicoca”, Furnas, Claúdio. Aliais, precisamos também derreter umas neves e cozinhar uns chuchus.

Isso mesmo meu irmão! Os tucanos moralistas também tem defeitos e dos feios. Os membros do PT, nem falamos. E tantos outros partidos e políticos serpentes por aí.

As jararaquinhas

Quem são elas? Onde vivem? Como se alimentam?

Bothrops_jararaca_3

Somos nós. Nós que aceitamos subornos sociais em troca de maus serviços. Que subornamos os guardas por andarmos bêbados por aí. Que compramos a carta de habilitação. Que damos carteirada nas filas e órgãos públicos. Nós que não devolvemos o troco quando o recebemos a mais.

Dom Darci, antes de falar de quem se alto denomina jararaca, pede que a cabeça da serpente, “de todas as víboras” sejam esmagadas. Cuidemos para não sermos serpentes me nosso cotidiano e rezemos para que as jararacas sejam esmagadas de nossa nação.

Na sua opinião, Dom Darci fez errado ao elevar sua prece? Eu não acho. Mas aqui um texto de Dom Orvandil, bispo da Diocese Brasil Central, em opinião contrária a de Dom Darci.

Anúncios

E eles nem prestaram atenção nas leituras II: confusão na Igreja do Carmo em BH

Navegando pela internet encontrei um vídeo da  trágica confusão dos que se dizem fiéis na Igreja Nossa Senhora do Carmo, em Sion, Belo Horizonte.

Abaixo segue a leitura realizada na liturgia de domingo, que eles se quer ouviram, pois preferiram tripudiar dentro da casa de Deus a ouvir sua palavra. Depois veja o vídeo.

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios 1,10-13.17

10Irmãos, eu vos exorto,
pelo nome do Senhor nosso, Jesus Cristo,
a que sejais todos concordes uns com os outros
e não admitais divisões entre vós.
Pelo contrário, sede bem unidos e concordes
no pensar e no falar.
11Com efeito, pessoas da família de Cloé
informaram-me a vosso respeito, meus irmãos,
que está havendo contendas entre vós.
12Digo isto, porque cada um de vós afirma:
‘Eu sou de Paulo’; ou: ‘Eu sou de Apolo’;
ou: ‘Eu sou de Cefas’; ou: ‘Eu sou de Cristo’!
13Será que Cristo está dividido?
Acaso Paulo é que foi crucificado por amor de vós?
Ou é no nome de Paulo que fostes batizados?
17De fato, Cristo não me enviou para batizar,
mas para pregar a boa nova da salvação,
sem me valer dos recursos da oratória,
para não privar a cruz de Cristo da sua força própria.
Palavra do Senhor.

“Acaso Cristo está dividido?” Com toda a certeza não. Mas seus seguidores, ou ao menos se intitulam assim, sim. Estão divididos. Uma confusão entre dois grupos de fiéis impediu que a missa das 11h fosse realizada normalmente na Igreja Nossa Senhora do Carmo, no Bairro Sion, Região Centro-Sul de Belo Horizonte, na manhã desse domingo.

O impasse

Os comentários estão abertos para que vocês opinem sobre esse fato.

E eles nem prestaram atenção nas leituras: confusão entre fiéis interrompe a Santa Missa em BH

Com um liturgia tão bonita quanto a de ontem, domingo (26/01), os fiéis se quer ouviram quanto mais entenderam. Cada vez mais a discórdia é implantada no seio da Igreja. Leia a segunda leitura que fez parte da liturgia de ontem. Atentem para a exortação de Paulo. 

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios 1,10-13.17

10Irmãos, eu vos exorto,
pelo nome do Senhor nosso, Jesus Cristo,
a que sejais todos concordes uns com os outros
e não admitais divisões entre vós.
Pelo contrário, sede bem unidos e concordes
no pensar e no falar.
11Com efeito, pessoas da família de Cloé
informaram-me a vosso respeito, meus irmãos,
que está havendo contendas entre vós.
12Digo isto, porque cada um de vós afirma:
‘Eu sou de Paulo’; ou: ‘Eu sou de Apolo’;
ou: ‘Eu sou de Cefas’; ou: ‘Eu sou de Cristo’!
13Será que Cristo está dividido?
Acaso Paulo é que foi crucificado por amor de vós?
Ou é no nome de Paulo que fostes batizados?
17De fato, Cristo não me enviou para batizar,
mas para pregar a boa nova da salvação,
sem me valer dos recursos da oratória,
para não privar a cruz de Cristo da sua força própria.
Palavra do Senhor.

“Acaso Cristo está dividido?” Com toda a certeza não. Mas seus seguidores, ou ao menos se intitulam assim, sim. Estão divididos. Uma confusão entre dois grupos de fiéis impediu que a missa das 11h fosse realizada normalmente na Igreja Nossa Senhora do Carmo, no Bairro Sion, Região Centro-Sul de Belo Horizonte, na manhã desse domingo. 

O impasse

De acordo com a reportagem da Itatiaia a missa foi impedida de ser celebrada porque dois grupos de fiéis brigaram dentro da casa de Deus. Isso mesmo. Parte dos fiéis que lotavam o local não gostou da substituição do frei Cláudio, tido como mais moderno e bastante popular, pelo frei Evaldo, pároco. Diante a troca, um grupo gritava e protestava durante a missa, enquanto outro em resposta rezava em apoio ao novo pároco da igreja.

De acordo com a a rádio, os fiéis contra a decisão de troca do sacerdote, disseram que a substituição aconteceu sem qualquer aviso prévio, o que revoltou os “admiradores” de frei Cláudio.

“O frei Evaldo suspendeu essa hora da missa das 11h do frei Cláudio sem avisar a ninguém. O pessoal vem cá para assistir a missa do frei Cláudio e não encontra o frei Cláudio. Encontra aquela igreja esquisita, cheia de cores e de poderes. Era para não vir ninguém aqui. Não foi aceito esse ato autoritário”, disse o fiel Jonas Vilela Carvalho.

Recorrência

Essa foi a segunda confusão na Igreja Nossa Senhora do Carmo em menos de um mês. No dia 1º de janeiro, até a Polícia Militar foi chamada para controlar uma discussão entre os defensores dos freis Cláudio e Evaldo. Naquela oportunidade, foram registradas agressões físicas contra alguns fiéis e contra o próprio frei Cláudio.

Opinião

Fico muito triste quando vejo isso. Quando dividem o que não é para ser dividido. É sempre bom lembrar que a Igreja possui hierarquia e que essa deve ser respeitada. Caso haja abuso de poder, há meios corretos para denunciar. Agora, causar tanto dano a igreja assim é no mínimo obra do coisa ruim. Não se deixem usar por ele.

12Digo isto, porque cada um de vós afirma:
‘Eu sou de Paulo’; ou: ‘Eu sou de Apolo’;
ou: ‘Eu sou de Cefas’; ou: ‘Eu sou de Cristo’!
13Será que Cristo está dividido? (São Paulo aos Coríntios)

“The Pope”: App sobre o Papa para iPhone e iPad será lançado em breve, afirma autoridade vaticana

(ACI).- O Presidente do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, o Arcebispo Claudio Maria Celli, anunciou que se está preparando um “app” para smartphones dedicado ao Papa Bento XVI.

O aplicativo “The Pope” para iPhone e iPad será enviado à Apple na semana que vem para sua aprovação, explicou Gustavo Entrala, da sociedade de comunicação espanhola 101, e deveria estar disponível, grátis, na Apple Store antes do fim do ano.

Também está sendo preparada uma versão para o sistema Android.

O App permitirá seguir ao vivo os discursos e as homilias do Papa, além de ver o que está acontecendo no Vaticano e em Castelgandolfo, o lugar de descanso do Papa nos subúrbios de Roma, graças a uma série de webcams interconectadas.

Também será possível receber notificações sobre as atividades do Papa e estará conectado com os diferentes órgãos de comunicação vaticano, como a Rádio Vaticano (que já dispõe de “apps” para iPhone e Android) e o portal www.news.va.