Dom Manuel Edmilson da Cruz, recusa Comenda de Direitos Humanos Dom Hélder Câmara

Dom Manuel Edmilson da Cruz, Bispo emerito de Limoeiro – CE – não aceitou a Comenda de Direitos Humanos Dom Helder Câmara consedida pelo Senado. A recusa foi um protesto pela aprovação pelo Congresso Nacional, no último dia 15, de projeto de lei que reajusta os salários dos parlamentares, ministros, vice-presidente e presidente da República em até 130%. O Bispo Dom Manuel Edmilson da Cruz foi um dos cinco contemplados pela homenagem conferida pela primeira vez pelo Senado Federal.

Após cogitar não ir ao Senado, Dom Manuel falou durante a sessão para entrega da Comenda, nesta terça-feira (21). Ele lamentou que o Congresso tenha aprovado reajuste para seus próprios salários, da ordem de 61%, com efeito cascata nos vencimentos de outras autoridades, enquanto os trabalhadores do transporte coletivo de Fortaleza mal conseguiram 6% de aumento em recente luta por elevação salarial. Ele mencionou as aposentadorias reduzidas, o salário mínimo que cresce em “ritmo de lesmas”.  

Na opinião de Dom Manuel, o aumento aprovado pelos parlamentares deveria sempre guardar a mesma proporção que a elevação concedida para o salário mínimo e a aposentadoria e disse ainda: “Quem assim procedeu não é parlamentar, é ‘para lamentar’.

Para o bispo de Limoeiro do Norte, a Comenda outorgada não representa a pessoa do cearense maior que foi Dom Helder Câmara. “Só me resta uma atitude: recusá-la. Ela é um atentado. Uma afronta ao povo brasileiro, ao cidadão, ao contribuinte para o bem de todos com o suor de seu rosto e a dignidade de seu trabalho”, afirmou ele.

Dom Manuel da Cruz disse que se aceitasse a comenda estaria procedendo contra os direitos humanos e perderia todo o sentido esse momento histórico. “A atitude que acabo de assumir, assumo-a com humildade, sem pretensão a estar dando lições a pessoas tão competentes e tão boas. A todos suplico compreensão e a todos desejo a paz, com meus sinceros votos e uma oração com abençoado feliz Natal e um próspero feliz ano”, declarou o bispo, que cobrou dos parlamentares a reavaliação da decisão.

Por Marquione Ban

Fonte: Agência Senado

Imagem da Internet

2 comentários em “Dom Manuel Edmilson da Cruz, recusa Comenda de Direitos Humanos Dom Hélder Câmara”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s