Mãe denuncia Pastor Marcos Pereira por morte de filha que o investigava

Fico extremamente triste quando noticio estas informações de sacerdotes, pastores, líderes religiosos que se corrompem com as coisas do mundo, deixando de ser pastores da boa nova e se tornando lobos em pele de cordeiro. Irmãos, independente da doutrina, rezemos por nossos sacerdotes para que sejam firmes na fé e que as armadilhas do encardido não os prejudique.

//////////////////////////

Pastor e foi levado para o Complexo Penitenciário de Bangu (Foto: Seap/Divulgação)
Pastor e foi levado para o Complexo Penitenciário
de Bangu (Foto: Seap/Divulgação)

G1| Acusado por pelo menos duas mulheres de cometer estupros no Rio, e investigado por outros quatro casos semelhantes, o pastor Marcos Pereira, da Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias, teve outra acusação, de envolvimento em quatro homicídios, revelada no Profissão Repórter desta terça-feira (14). Testemunhas e a mãe de Adelaide Nogueira dos Santos, morta em 2006, contaram à polícia que ela foi morta porque investigava por conta própria atividades ilícitas de Marcos e tudo que envolvia a igreja, como orgias com homens e mulheres em uma fazenda. As imagens foram mostradas no RJTV.

“Ela sabia muito”, disse a mãe de Adelaide, Amélia Batista, sobre o motivo do crime. “Ela namorou um rapaz de lá e ela descobriu, através dele, todo o esquema da igreja. Envolvimento com o tráfico, problemas de farras na fazenda dele, sexual. Ela apareceu com um microgravador dizendo que duas coleguinhas, junto com ela, iam entrar para a igreja, colocar aquela roupa e gravar o que acontecia”, contou. Continue lendo…

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s