Nono dia da novena de Natal: nasce o Salvador, Jesus Cristo

Jesus-religioso_243489906_0103
Hoje nasceu o Salvador, Cristo o Senhor!

Oração inicial

Senhor vem vem salvar teu povo, das trevas da escravidão.

Iniciemos em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Rezemos a oração que Cristo nos ensinou. Pai nosso….

Motivação

A palavra se fez carne e habitou entre nós. Essas palavra do evangelho de João nos leva a compreender que no natal Jesus é o inicio e fim. Aquele cujo tudo se converte, inclusive nossa fé, esperança e paz.

Litura do livro de João 1, 1 a 11

1. No princípio era o Verbo, e o Verbo estava junto de Deus e o Verbo era Deus.

2. Ele estava no princípio junto de Deus.

3. Tudo foi feito por ele, e sem ele nada foi feito.

4. Nele havia a vida, e a vida era a luz dos homens.

5. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam.

6. Houve um homem, enviado por Deus, que se chamava João.

7. Este veio como testemunha, para dar testemunho da luz, a fim de que todos cressem por meio dele.

8. Não era ele a luz, mas veio para dar testemunho da luz.

9. [O Verbo] era a verdadeira luz que, vindo ao mundo, ilumina todo homem.

10. Estava no mundo e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o reconheceu.

11. Veio para o que era seu, mas os seus não o receberam.

12. Mas a todos aqueles que o receberam, aos que crêem no seu nome, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus,

13. os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas sim de Deus.

14. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos sua glória, a glória que o Filho único recebe do seu Pai, cheio de graça e de verdade.

15. João dá testemunho dele, e exclama: Eis aquele de quem eu disse: O que vem depois de mim é maior do que eu, porque existia antes de mim.

16. Todos nós recebemos da sua plenitude graça sobre graça.

17. Pois a lei foi dada por Moisés, a graça e a verdade vieram por Jesus Cristo.

18. Ninguém jamais viu Deus. O Filho único, que está no seio do Pai, foi quem o revelou.

Continuar lendo “Nono dia da novena de Natal: nasce o Salvador, Jesus Cristo”

Oitavo dia da Novena de Natal: “Deus, força para o seu povo”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste oitavo dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos refletir sobre as fugas, mudanças na história de Jesus e sua família. Durante esse ano  refletimos o quanto é prejudicial ao homem as transformações da natureza que o obrigam a mudar constantemente os hábitos. Jesus, Maria e José tiveram que mudar para fugir das maldades humanas e nós mudaremos para fugir das nossas próprias maldades com a Natureza.

 Leitura do Dia – Mt 2, 13-18

13.Depois de sua partida, um anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e disse: Levanta-te, toma o menino e sua mãe e foge para o Egito; fica lá até que eu te avise, porque Herodes vai procurar o menino para o matar.14.José levantou-se durante a noite, tomou o menino e sua mãe e partiu para o Egito.15.Ali permaneceu até a morte de Herodes para que se cumprisse o que o Senhor dissera pelo profeta: Eu chamei do Egito meu filho (Os 11,1).16.Vendo, então, Herodes que tinha sido enganado pelos magos, ficou muito irado e mandou massacrar em Belém e nos seus arredores todos os meninos de dois anos para baixo, conforme o tempo exato que havia indagado dos magos.17.Cumpriu-se, então, o que foi dito pelo profeta Jeremias:18.Em Ramá se ouviu uma voz, choro e grandes lamentos: é Raquel a chorar seus filhos; não quer consolação, porque já não existem (Jer 31,15)!

Continuar lendo “Oitavo dia da Novena de Natal: “Deus, força para o seu povo””

Sétimo dia da Novena de Natal: “Onde Ele está?”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste sétimo dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos refletir sobre os Reis Magos, símbolo de que Jesus não é salvador somente de um povo, mas de toda a humanidade. Descobrir onde Jesus se encontra não foi fácil para eles, mas eles conseguiram graça a percepção dos sinais de Deus. Deus se manifesta na natureza, na história do povo, nos pequenos. Ele fala no mais íntimo de nós.

 Leitura do Dia – Mt 2, 1 –12

1.Tendo, pois, Jesus nascido em Belém de Judá, no tempo do rei Herodes, eis que magos vieram do oriente a Jerusalém.2.Perguntaram eles: Onde está o rei dos judeus que acaba de nascer? Vimos a sua estrela no oriente e viemos adorá-lo.3.A esta notícia, o rei Herodes ficou perturbado e toda Jerusalém com ele.4.Convocou os príncipes dos sacerdotes e os escribas do povo e indagou deles onde havia de nascer o Cristo.5.Disseram-lhe: Em Belém, na Judéia, porque assim foi escrito pelo profeta:6.E tu, Belém, terra de Judá, não és de modo algum a menor entre as cidades de Judá, porque de ti sairá o chefe que governará Israel, meu povo(Miq 5,2).7.Herodes, então, chamou secretamente os magos e perguntou-lhes sobre a época exata em que o astro lhes tinha aparecido.8.E, enviando-os a Belém, disse: Ide e informai-vos bem a respeito do menino. Quando o tiverdes encontrado, comunicai-me, para que eu também vá adorá-lo.9.Tendo eles ouvido as palavras do rei, partiram. E eis que e estrela, que tinham visto no oriente, os foi precedendo até chegar sobre o lugar onde estava o menino e ali parou.10.A aparição daquela estrela os encheu de profunda alegria.11.Entrando na casa, acharam o menino com Maria, sua mãe. Prostrando-se diante dele, o adoraram. Depois, abrindo seus tesouros, ofereceram-lhe como presentes: ouro, incenso e mirra.12.Avisados em sonhos de não tornarem a Herodes, voltaram para sua terra por outro caminho.

Continuar lendo “Sétimo dia da Novena de Natal: “Onde Ele está?””

Sexto dia da Novena de Natal: “Pastores – medo do desconhecido”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste sexto dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos refletir sobre os pastores, classe menosprezada da época, mas que teve a chance de serem os primeiros a presenciar Jesus salvador do mundo. Deus em seu plano contempla a simplicidade na pessoa dos trabalhadores e marginalizados do tempo de Cristo e de hoje.

Leitura do Dia – Mt 2, 8 – 20

8.Havia nos arredores uns pastores, que vigiavam e guardavam seu rebanho nos campos durante as vigílias da noite.9.Um anjo do Senhor apareceu-lhes e a glória do Senhor refulgiu ao redor deles, e tiveram grande temor.10.O anjo disse-lhes: Não temais, eis que vos anuncio uma boa nova que será alegria para todo o povo: 11.hoje vos nasceu na Cidade de Davi um Salvador, que é o Cristo Senhor.12.Isto vos servirá de sinal: achareis um recém-nascido envolto em faixas e posto numa manjedoura.13.E subitamente ao anjo se juntou uma multidão do exército celeste, que louvava a Deus e dizia:14.Glória a Deus no mais alto dos céus e na terra paz aos homens, objetos da benevolência (divina).15.Depois que os anjos os deixaram e voltaram para o céu, falaram os pastores uns com os outros: Vamos até Belém e vejamos o que se realizou e o que o Senhor nos manifestou.16.Foram com grande pressa e acharam Maria e José, e o menino deitado na manjedoura.17.Vendo-o, contaram o que se lhes havia dito a respeito deste menino. 18.Todos os que os ouviam admiravam-se das coisas que lhes contavam os pastores. 19.Maria conservava todas estas palavras, meditando-as no seu coração. 20.Voltaram os pastores, glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham ouvido e visto, e que estava de acordo com o que lhes fora dito.

Continuar lendo “Sexto dia da Novena de Natal: “Pastores – medo do desconhecido””

Quinto dia da Novena de Natal: “José acolhe Maria, ao assumir o sonho de Deus”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste quinto dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Deus quis que seu filho nascesse no centro de uma família. Jesus teve mãe e teve pai. José assumiu essa paternidade com muito prazer. Lógico que José teve medo de assumir tamanha responsabilidade, mas o medo foi superado pela confiança nos planos de Deus. Confiar em Deus como José confiou é o caminho para chegarmos a santidade.

Leitura do Dia – Mt 1, 18-25

 18.Eis como nasceu Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava desposada com José. Antes de coabitarem, aconteceu que ela concebeu por virtude do Espírito Santo.19.José, seu esposo, que era homem de bem, não querendo difamá-la, resolveu rejeitá-la secretamente.20.Enquanto assim pensava, eis que um anjo do Senhor lhe apareceu em sonhos e lhe disse: José, filho de Davi, não temas receber Maria por esposa, pois o que nela foi concebido vem do Espírito Santo.21.Ela dará à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo de seus pecados.22.Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que o Senhor falou pelo profeta:23.Eis que a Virgem conceberá e dará à luz um filho, que se chamará Emanuel (Is 7, 14), que significa: Deus conosco.24.Despertando, José fez como o anjo do Senhor lhe havia mandado e recebeu em sua casa sua esposa.25.E, sem que ele a tivesse conhecido, ela deu à luz o seu filho, que recebeu o nome de Jesus.

Continuar lendo “Quinto dia da Novena de Natal: “José acolhe Maria, ao assumir o sonho de Deus””

Quarto dia da Novena de Natal: “Em nome da Lei”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste quarto dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar  Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

No Natal, Deus se fez migrante e retirante. Nasceu em terra distante. Migrou ainda no ventre de sua mãe. Hoje muitos se fazer migrantes em busca de novas oportunidades e de qualidade de vida melhor. Jesus migrou não por uma qualidade de vida para ele, mas para nós. Sair da condição de junto do Pai para assumir os pecados da humanidade na sua morte de cruz, trouxe a nós o fim da migração espiritual. A última aliança foi feita.

Leitura do Dia – Lc 2, 1-7

2.Naqueles tempos apareceu um decreto de César Augusto, ordenando o recenseamento de toda a terra.2.Este recenseamento foi feito antes do governo de Quirino, na Síria.3.Todos iam alistar-se, cada um na sua cidade.4.Também José subiu da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à Cidade de Davi, chamada Belém, porque era da casa e família de Davi,5.para se alistar com a sua esposa Maria, que estava grávida.6.Estando eles ali, completaram-se os dias dela.7.E deu à luz seu filho primogênito, e, envolvendo-o em faixas, reclinou-o num presépio; porque não havia lugar para eles na hospedaria.

Continuar lendo “Quarto dia da Novena de Natal: “Em nome da Lei””

Terceiro dia da Novena de Natal: “João Batista para ser o precursor”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste terceiro dia Deus nos ouça nas nossas angustias e nos inspire a anuncia a sua volta assim como João Batista anunciou a sua chegada. Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

João Batista foi um homem de Deus que gritava no deserto e anunciava a boa nova, Jesus. Seu pai, em sinal de obediência  a Deus, afirmou a todos que seu nome seria João e cantou em louvor a Deus pela vida de seu filho. Agradecer a Deus pelo nascimento, pela vida, pela obediência e por tudo que ele nos dá se faz necessário. Ser obediente aos pedidos do Pai nos leva a entender que temos de ser anunciadores do Reino como fez João Batista, essa é a missão de todo batizado.

Leitura do dia – Marcos 1, 2-9

Continuar lendo “Terceiro dia da Novena de Natal: “João Batista para ser o precursor””

Segundo dia da Novena de Natal: “Visita a Isabel: semente”

nsvisitaOração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste segundo dia Deus nos ouça nas nossas angustias e nos visite mais fortemente, assim como Maria visitou a Isabel. Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Durante 40 anos o povo andou perdido pelos desertos conduzindo a Arca da Aliança, presença mais forte de Deus naquele tempo. Na leitura de hoje veremos que Maria se torna a Arca da Aliança, ao conduzir Jesus em seu ventre. Esse gesto de andar e visitar Isabel nos leva a crer que Deus mandou Jesus a todos. Maria compartilha de sua graça com a também agraciada Isabel nos chamando a atenção ao exercício da fraternidade do convívio com o próximo.

Leitura do dia – Lc 1, 39 – 45

Continuar lendo “Segundo dia da Novena de Natal: “Visita a Isabel: semente””

Primeiro dia da Novena de Natal: “Ele está no meio de nós”

Hoje iremos começar a novena de Natal em preparação ao nascimento de Jesus. Com o tema  central “No Natal, eu comemoro Jesus!” Vamos refletir passo a passo os caminhos do nascimento de nosso salvador, Cristo.

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que esta novena seja em sua glória e santidade. Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos ver como Maria aceita o chamado de Deus ao serviço de ser a Mãe de seu Filho. Observemos a reação de Maria ao anuncio do anjo. Essa reação é que devemos ter hoje, para que compreendamos que Jesus está no meio de nós. Assim podemos realmente viver o natal como presença de Cristo, nascimento de Jesus e não do papai Noel.

Leitura de Lucas 1, 26 – 38

Continuar lendo “Primeiro dia da Novena de Natal: “Ele está no meio de nós””

Nono dia da novena de Natal: nasce o Salvador, Jesus Cristo

Jesus-religioso_243489906_0103Oração inicial

Senhor vem vem salvar teu povo, das trevas da escravidão.

Iniciemos em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Rezemos a oração que Cristo nos ensinou. Pai nosso….

Motivação

A palavra se fez carne e habitou entre nós. Essas palavra do evangelho de João nos leva a compreender que no natal Jesus é o inicio e fim. Aquele cujo tudo se converte, inclusive nossa fé, esperança e paz.

Litura do livro de João 1, 1 a 11

1. No princípio era o Verbo, e o Verbo estava junto de Deus e o Verbo era Deus.

2. Ele estava no princípio junto de Deus.

3. Tudo foi feito por ele, e sem ele nada foi feito.

4. Nele havia a vida, e a vida era a luz dos homens.

5. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam.

6. Houve um homem, enviado por Deus, que se chamava João.

7. Este veio como testemunha, para dar testemunho da luz, a fim de que todos cressem por meio dele.

8. Não era ele a luz, mas veio para dar testemunho da luz.

9. [O Verbo] era a verdadeira luz que, vindo ao mundo, ilumina todo homem.

10. Estava no mundo e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o reconheceu.

11. Veio para o que era seu, mas os seus não o receberam.

12. Mas a todos aqueles que o receberam, aos que crêem no seu nome, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus,

13. os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas sim de Deus.

14. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos sua glória, a glória que o Filho único recebe do seu Pai, cheio de graça e de verdade.

15. João dá testemunho dele, e exclama: Eis aquele de quem eu disse: O que vem depois de mim é maior do que eu, porque existia antes de mim.

16. Todos nós recebemos da sua plenitude graça sobre graça.

17. Pois a lei foi dada por Moisés, a graça e a verdade vieram por Jesus Cristo.

18. Ninguém jamais viu Deus. O Filho único, que está no seio do Pai, foi quem o revelou.

Leia mais em: http://www.bibliacatolica.com.br/01/50/1.php#ixzz2F86xkJ5g

Reflexão

Temos celebrado o Natal como nascimento de Jesus?

Oração final

Deus Pai que tanto nos ama, obrigado por compartilhar conosco a fé de teu filho, Jesus, conceda atingirmos as graças que vos pedimos.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Oitavo dia da Novena de Natal: “Deus, força para o seu povo”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste oitavo dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos refletir sobre as fugas, mudanças na história de Jesus e sua família. Durante esse ano  refletimos o quanto é prejudicial ao homem as transformações da natureza que o obrigam a mudar constantemente os hábitos. Jesus, Maria e José tiveram que mudar para fugir das maldades humanas e nós mudaremos para fugir das nossas próprias maldades com a Natureza.

 Leitura do Dia – Mt 2, 13-18

13.Depois de sua partida, um anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e disse: Levanta-te, toma o menino e sua mãe e foge para o Egito; fica lá até que eu te avise, porque Herodes vai procurar o menino para o matar.14.José levantou-se durante a noite, tomou o menino e sua mãe e partiu para o Egito.15.Ali permaneceu até a morte de Herodes para que se cumprisse o que o Senhor dissera pelo profeta: Eu chamei do Egito meu filho (Os 11,1).16.Vendo, então, Herodes que tinha sido enganado pelos magos, ficou muito irado e mandou massacrar em Belém e nos seus arredores todos os meninos de dois anos para baixo, conforme o tempo exato que havia indagado dos magos.17.Cumpriu-se, então, o que foi dito pelo profeta Jeremias:18.Em Ramá se ouviu uma voz, choro e grandes lamentos: é Raquel a chorar seus filhos; não quer consolação, porque já não existem (Jer 31,15)!

Leia mais em: http://www.bibliacatolica.com.br/01/47/2.php#ixzz1hM7krnam

Reflexão

O que nos leva a sair de nossa terra, nossa casa e ir para outro lugar? Fazemos as pessoas saírem de suas casas e suas terras?  Como cuidamos da natureza para evitar que os animais saiam de suas terras?

Oração Final

Muito obrigado por permitir que José seja exemplo de esposo e de pai para os homens e de cristão obediente ao Pai Celeste. Obrigado Pai, por estar conosco com o seu Espírito Santo e por nos olhar com o carinho de quem muito ama, nos concedendo graças mesmo quando não merecemos. Ensina-nos a sermos mais fieis as seus preceitos. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Sétimo dia da Novena de Natal: “Onde Ele está?”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste sétimo dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos refletir sobre os Reis Magos, símbolo de que Jesus não é salvador somente de um povo, mas de toda a humanidade. Descobrir onde Jesus se encontra não foi fácil para eles, mas eles conseguiram graça a percepção dos sinais de Deus. Deus se manifesta na natureza, na história do povo, nos pequenos. Ele fala no mais íntimo de nós.

 Leitura do Dia – Mt 2, 1 –12

1.Tendo, pois, Jesus nascido em Belém de Judá, no tempo do rei Herodes, eis que magos vieram do oriente a Jerusalém.2.Perguntaram eles: Onde está o rei dos judeus que acaba de nascer? Vimos a sua estrela no oriente e viemos adorá-lo.3.A esta notícia, o rei Herodes ficou perturbado e toda Jerusalém com ele.4.Convocou os príncipes dos sacerdotes e os escribas do povo e indagou deles onde havia de nascer o Cristo.5.Disseram-lhe: Em Belém, na Judéia, porque assim foi escrito pelo profeta:6.E tu, Belém, terra de Judá, não és de modo algum a menor entre as cidades de Judá, porque de ti sairá o chefe que governará Israel, meu povo(Miq 5,2).7.Herodes, então, chamou secretamente os magos e perguntou-lhes sobre a época exata em que o astro lhes tinha aparecido.8.E, enviando-os a Belém, disse: Ide e informai-vos bem a respeito do menino. Quando o tiverdes encontrado, comunicai-me, para que eu também vá adorá-lo.9.Tendo eles ouvido as palavras do rei, partiram. E eis que e estrela, que tinham visto no oriente, os foi precedendo até chegar sobre o lugar onde estava o menino e ali parou.10.A aparição daquela estrela os encheu de profunda alegria.11.Entrando na casa, acharam o menino com Maria, sua mãe. Prostrando-se diante dele, o adoraram. Depois, abrindo seus tesouros, ofereceram-lhe como presentes: ouro, incenso e mirra.12.Avisados em sonhos de não tornarem a Herodes, voltaram para sua terra por outro caminho.

Leia mais em: http://www.bibliacatolica.com.br/01/47/2.php#ixzz1hM0OaNaP

Reflexão

Enxergamos os sinais de Deus na natureza? Entendemos que Jesus não é salvador somente dos Cristãos, mas de todos que praticam o bem? Sabemos reconhecer a presença de Deus nas outras nações e religiões?

Oração Final

Muito obrigado por permitir que José seja exemplo de esposo e de pai para os homens e de cristão obediente ao Pai Celeste. Obrigado Pai, por estar conosco com o seu Espírito Santo e por nos olhar com o carinho de quem muito ama, nos concedendo graças mesmo quando não merecemos. Ensina-nos a sermos mais fieis as seus preceitos. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Sexto dia da Novena de Natal: “Pastores – medo do desconhecido”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste sexto dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos refletir sobre os pastores, classe menosprezada da época, mas que teve a chance de serem os primeiros a presenciar Jesus salvador do mundo. Deus em seu plano contempla a simplicidade na pessoa dos trabalhadores e marginalizados do tempo de Cristo e de hoje.

Leitura do Dia – Mt 2, 8 – 20

8.Havia nos arredores uns pastores, que vigiavam e guardavam seu rebanho nos campos durante as vigílias da noite.9.Um anjo do Senhor apareceu-lhes e a glória do Senhor refulgiu ao redor deles, e tiveram grande temor.10.O anjo disse-lhes: Não temais, eis que vos anuncio uma boa nova que será alegria para todo o povo: 11.hoje vos nasceu na Cidade de Davi um Salvador, que é o Cristo Senhor.12.Isto vos servirá de sinal: achareis um recém-nascido envolto em faixas e posto numa manjedoura.13.E subitamente ao anjo se juntou uma multidão do exército celeste, que louvava a Deus e dizia:14.Glória a Deus no mais alto dos céus e na terra paz aos homens, objetos da benevolência (divina).15.Depois que os anjos os deixaram e voltaram para o céu, falaram os pastores uns com os outros: Vamos até Belém e vejamos o que se realizou e o que o Senhor nos manifestou.16.Foram com grande pressa e acharam Maria e José, e o menino deitado na manjedoura.17.Vendo-o, contaram o que se lhes havia dito a respeito deste menino. 18.Todos os que os ouviam admiravam-se das coisas que lhes contavam os pastores. 19.Maria conservava todas estas palavras, meditando-as no seu coração. 20.Voltaram os pastores, glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham ouvido e visto, e que estava de acordo com o que lhes fora dito.

Leia mais em: http://www.bibliacatolica.com.br/01/49/2.php#ixzz1hGdPEnDh

Reflexão

Qual a lição os pastores ensinam com suas atitudes? Como  podemos exercitá-las em nosso dia-a-dia? O que Deus quer nos mostrar com essa atitude de escolher os pequenos para  ver primeiro Jesus e não os reis e sacerdotes.

Oração Final

Muito obrigado por permitir que José seja exemplo de esposo e de pai para os homens e de cristão obediente ao Pai Celeste. Obrigado Pai, por estar conosco com o seu Espírito Santo e por nos olhar com o carinho de quem muito ama, nos concedendo graças mesmo quando não merecemos. Ensina-nos a sermos mais fieis as seus preceitos. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Quinto dia da Novena de Natal: “José acolhe Maria, ao assumir o sonho de Deus”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste quinto dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Deus quis que seu filho nascesse no centro de uma família. Jesus teve mãe e teve pai. José assumiu essa paternidade com muito prazer. Lógico que José teve medo de assumir tamanha responsabilidade, mas o medo foi superado pela confiança nos planos de Deus. Confiar em Deus como José confiou é o caminho para chegarmos a santidade.

Leitura do Dia – Mt 1, 18-25

 18.Eis como nasceu Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava desposada com José. Antes de coabitarem, aconteceu que ela concebeu por virtude do Espírito Santo.19.José, seu esposo, que era homem de bem, não querendo difamá-la, resolveu rejeitá-la secretamente.20.Enquanto assim pensava, eis que um anjo do Senhor lhe apareceu em sonhos e lhe disse: José, filho de Davi, não temas receber Maria por esposa, pois o que nela foi concebido vem do Espírito Santo.21.Ela dará à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo de seus pecados.22.Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que o Senhor falou pelo profeta:23.Eis que a Virgem conceberá e dará à luz um filho, que se chamará Emanuel (Is 7, 14), que significa: Deus conosco.24.Despertando, José fez como o anjo do Senhor lhe havia mandado e recebeu em sua casa sua esposa.25.E, sem que ele a tivesse conhecido, ela deu à luz o seu filho, que recebeu o nome de Jesus.

Leia mais em: http://www.bibliacatolica.com.br/01/47/1.php#ixzz1hBithG5H

Reflexão

Como tem sido minha relação com Deus? Semelhante a José? Deixo que os planos de Deus aconteçam em minha vida?

Oração Final

Muito obrigado por permitir que José seja exemplo de esposo e de pai para os homens e de cristão obediente ao Pai Celeste. Obrigado Pai, por estar conosco com o seu Espírito Santo e por nos olhar com o carinho de quem muito ama, nos concedendo graças mesmo quando não merecemos. Ensina-nos a sermos mais fieis as seus preceitos. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Quarto dia da Novena de Natal: “Em nome da Lei”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste quarto dia Deus nossas suplicas sejam ouvidas e que nossos pedidos sejam atendidos. Rezemos ainda, para que neste natal possamos realmente deixar  Jesus nascer em nossos corações.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

No Natal, Deus se fez migrante e retirante. Nasceu em terra distante. Migrou ainda no ventre de sua mãe. Hoje muitos se fazer migrantes em busca de novas oportunidades e de qualidade de vida melhor. Jesus migrou não por uma qualidade de vida para ele, mas para nós. Sair da condição de junto do Pai para assumir os pecados da humanidade na sua morte de cruz, trouxe a nós o fim da migração espiritual. A última aliança foi feita.

Leitura do Dia – Lc 2, 1-7

2.Naqueles tempos apareceu um decreto de César Augusto, ordenando o recenseamento de toda a terra.2.Este recenseamento foi feito antes do governo de Quirino, na Síria.3.Todos iam alistar-se, cada um na sua cidade.4.Também José subiu da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à Cidade de Davi, chamada Belém, porque era da casa e família de Davi,5.para se alistar com a sua esposa Maria, que estava grávida.6.Estando eles ali, completaram-se os dias dela.7.E deu à luz seu filho primogênito, e, envolvendo-o em faixas, reclinou-o num presépio; porque não havia lugar para eles na hospedaria.

Leia mais em: http://www.bibliacatolica.com.br/01/49/2.php#ixzz1h5VthwT7

Reflexão

Naquele tempo Maria e José tiveram de sair de sua casa para participar do recenseamento do Império Romano. Em nome da lei dos homens foram se cadastrar na cidade de Belém. Assim se cumpriu a passagem de Isaias que previa este acontecimento. Hoje podemos ver o nascimento de Jesus como gesto supremo da obediência. Para se cumprir o que Deus tinha dito Jesus nasce em Belém, e para se cumprir a norma dos homes José e Maria vão a Belém. Mesmo que a ordem humana tenha sido autoritária e com fins de cobrar imposto, José os obedeceu. Hoje nós obedecemos as ordens de Deus? Damos a “César o que é de César e a Deus o que é de Deus”? Cumpro com o mandamento do amor?

 Oração Final

Muito obrigado por conceder que tenhamos a graça de receber Jesus, migrante, na eucaristia, todos os domingos. Obrigado Pai, por estar conosco com o seu Espírito Santo e por nos olhar com o carinha de quem muito ama, nos concedendo graças mesmo quando não merecemos. Ensina-nos a sermos mais fieis as seus preceitos. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Terceiro dia da Novena de Natal: “João Batista para ser o precursor”

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste terceiro dia Deus nos ouça nas nossas angustias e nos inspire a anuncia a sua volta assim como João Batista anunciou a sua chegada. Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

João Batista foi um homem de Deus que gritava no deserto e anunciava a boa nova, Jesus. Seu pai, em sinal de obediência  a Deus, afirmou a todos que seu nome seria João e cantou em louvor a Deus pela vida de seu filho. Agradecer a Deus pelo nascimento, pela vida, pela obediência e por tudo que ele nos dá se faz necessário. Ser obediente aos pedidos do Pai nos leva a entender que temos de ser anunciadores do Reino como fez João Batista, essa é a missão de todo batizado.

Leitura do dia – Marcos 1, 2-9

2.

Eis que envio o meu anjo diante de ti: ele preparará o teu caminho.

3.

Uma voz clama no deserto: Traçai o caminho do Senhor, aplanai as suas veredas (Mal 3,1; Is 40,3).

4.

João Batista apareceu no deserto e pregava um batismo de conversão para a remissão dos pecados.

5.

E saíam para ir ter com ele toda a Judéia, toda Jerusalém, e eram batizados por ele no rio Jordão, confessando os seus pecados.

6.

João andava vestido de pêlo de camelo e trazia um cinto de couro em volta dos rins, e alimentava-se de gafanhotos e mel silvestre.

7.

Ele pôs-se a proclamar: “Depois de mim vem outro mais poderoso do que eu, ante o qual não sou digno de me prostrar para desatar-lhe a correia do calçado.

8.

Eu vos batizei com água; ele, porém, vos batizará no Espírito Santo.”

9.

Ora, naqueles dias veio Jesus de Nazaré, da Galiléia, e foi batizado por João no Jordão.

 Reflexão

João Batista veio para reascender a esperança na salvação vinda por Jesus Cristo. Isso nos faz pensar como esta passagem da Bíblia nos influencia. Como essa palavra pode iluminar nossa vida? Tenho cumprido minha missão de batizado em anunciar o reino de Deus?

Deixe seu comentário sobre a leitura.

Oração final

São João Batista, voz que clama no deserto, ajudai-nos a fazer penitência  para que nos tornemos dignos do perdão daquele que vos anunciastes. Amém. Encerremos em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém

Segundo dia da Novena de Natal: “Visita a Isabel: semente”

nsvisitaOração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que neste segundo dia Deus nos ouça nas nossas angustias e nos visite mais fortemente, assim como Maria visitou a Isabel. Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Durante 40 anos o povo andou perdido pelos desertos conduzindo a Arca da Aliança, presença mais forte de Deus naquele tempo. Na leitura de hoje veremos que Maria se torna a Arca da Aliança, ao conduzir Jesus em seu ventre. Esse gesto de andar e visitar Isabel nos leva a crer que Deus mandou Jesus a todos. Maria compartilha de sua graça com a também agraciada Isabel nos chamando a atenção ao exercício da fraternidade do convívio com o próximo.

Leitura do dia – Lc 1, 39 – 45

39.

Naqueles dias, Maria se levantou e foi às pressas às montanhas, a uma cidade de Judá.

40.

Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel.

41.

Ora, apenas Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança estremeceu no seu seio; e Isabel ficou cheia do Espírito Santo.

42.

E exclamou em alta voz: Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre.

43.

Donde me vem esta honra de vir a mim a mãe de meu Senhor?

44.

Pois assim que a voz de tua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança estremeceu de alegria no meu seio.

45.

Bem-aventurada és tu que creste, pois se hão de cumprir as coisas que da parte do Senhor te foram ditas!

 Reflexão

Na eucaristia, eu me deixo ser visitado por Deus. Na minha comunidade eu tenho realizado visitas aos meus amigos, familiares, enfermos e etc? O que esse gesto de Maria traz de realidade para a minha vida? Deixe seu comentário sobre o texto e sobre as perguntas.

Oração Final

Que Javé continue nos orientando para que sejamos Imitadores de Maria, visitando os pobres e todas as necessidades da palavra. Rezemos a oração do Espírito Santo para que continuemos ungidos pela sua misericórdia. “Vinde Espírito Santo …….”

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, amém.

Primeiro dia da Novena de Natal: “Ele está no meio de nós”

Hoje iremos começar a novena de Natal em preparação ao nascimento de Jesus. Com o tema  central “No Natal, eu comemoro Jesus!” Vamos refletir passo a passo os caminhos do nascimento de nosso salvador, Cristo.

Oração Inicial

Rezemos a Deus Pai todo poderoso para que esta novena seja em sua glória e santidade. Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é contigo. Bendito o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nos pecadores agora e na hora de nossa morte, Amém.

Motivação

Hoje vamos ver como Maria aceita o chamado de Deus ao serviço de ser a Mãe de seu Filho. Observemos a reação de Maria ao anuncio do anjo. Essa reação é que devemos ter hoje, para que compreendamos que Jesus está no meio de nós. Assim podemos realmente viver o natal como presença de Cristo, nascimento de Jesus e não do papai Noel.

Leitura de Lucas 1, 26 – 38

26.

No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré,

27.

a uma virgem desposada com um homem que se chamava José, da casa de Davi e o nome da virgem era Maria.

28.

Entrando, o anjo disse-lhe: Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo.

29.

Perturbou-se ela com estas palavras e pôs-se a pensar no que significaria semelhante saudação.

30.

O anjo disse-lhe: Não temas, Maria, pois encontraste graça diante de Deus.

31.

Eis que conceberás e darás à luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus.

32.

Ele será grande e chamar-se-á Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi; e reinará eternamente na casa de Jacó,

33.

e o seu reino não terá fim.

34.

Maria perguntou ao anjo: Como se fará isso, pois não conheço homem?

35.

Respondeu-lhe o anjo: O Espírito Santo descerá sobre ti, e a força do Altíssimo te envolverá com a sua sombra. Por isso o ente santo que nascer de ti será chamado Filho de Deus.

36.

Também Isabel, tua parenta, até ela concebeu um filho na sua velhice; e já está no sexto mês aquela que é tida por estéril,

37.

porque a Deus nenhuma coisa é impossível.

38.

Então disse Maria: Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra. E o anjo afastou-se dela.

Reflexão

Sabemos responder à vontade de Deus sem nos desesperar e sem questioná-lo? Somos realmente servos de Deus como Maria? Qual a minha disposição para Deus?

Deixe seu comentário com sua opinião sobre o texto bíblico e as perguntas acima.

Oração final

Ilumine o Deus as trevas dos nossos corações com a luz do vosso filho, Jesus, e com o amor de Maria que sempre disse sim a vossa vontade.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Novena de Natal começa na segunda-feira, aqui no O Anunciador

Galera que curte o blog O Anunciador, na segunda-feira (17/12), começa a nossa novena de Natal online. Vamos divulgar e compartilhar com os nossos amigos nas redes sociais para que todos possamos rezar juntos saudando a vinda de nosso Salvador, Jesus Cristo.

noVENA DE NATAL

Nono dia da novena de Natal: nasce o Salvador

Oração inicial

Senhor vem vem salvar teu povo, das trevas da escravidão.

Iniciemos em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Rezemos a oração que Cristo nos ensinou. Pai nosso….

Motivação

A palavra se fez carne e habitou entre nós. Essas palavra do evangelho de João nos leva a compreender que no natal Jesus é o inicio e fim. Aquele cujo tudo se converte, inclusive nossa fé, esperança e paz.

Litura do livro de João 1, 1 a 11

Reflexão

Temos celebrado o Natal como nascimento de Jesus?

Oração final

Deus Pai que tanto nos ama, obrigado por compartilhar conosco a fé de teu filho, Jesus, conceda atingirmos as graças que vos pedimos. 
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.