Retrospectiva 2013: tudo que aconteceu na Igreja durante o ano

Retrospectiva2013-1200x520

Isso mesmo, irmãos e irmãs. O Anunciador fez uma retrospectiva dos fatos mais marcante no ano de 2013. Tudo que rolou aqui, no O Anunciador, em um resumo do Ano de 2013.

É oportuno lembrar que este ano foi o Ano da Fé e por isso tivemos vários fatos marcantes. Teve pela primeira vez em 600 anos um papa renunciando. A escolha de um papa Latino, da Argentina. Um mega JMJ no Rio de Janeiro. Dois papa juntos, rezando. Tivemos também a marcante luta pela vida em várias nações. A triste guerra na Síria. Mega-tufão com imagem intacta de Jesus. E muito mais.

Vamos rever o que aconteceu, mês a mês:

Janeiro

Muita coisa aconteceu neste mês. Publicamos muitas coisas em janeiro. Uma das matérias de destaque deste mês foi a notícia de que o número de padres cresceu em todo o mundo. Estudo realizado pela Agência Fides que apresenta dados extraídos do “Anuário Estatístico da Igreja”  revela que a Igreja católica cresceu em todo o mundo, principalmente na Ásia e na África. Contrariando os inimigos da Igreja.

Janeiro também nos reservou a grata surpresa de que a conta Papa no twitter havia superado mais de 2,5 milhões de seguidores. Além disse o então papa, Bento XVI, também lançou uma conta em latim na rede social. Outra dois fatos também marcaram o mês de São Sebastião, a mensagem do Papa para o Dia Mundial das Comunicações e a Semana de Oração Pela Unidade dos Cristãos no hemisfério norte.

Fevereiro

1_15

Este mês foi histórico para a Igreja. Um mês triste pela renuncia do Papa Bento XVI. Bento XVI renunciou a cátedra de Pedro por motivos de saúde. O papa emérito estava muito cansado não conseguia comandar a igreja com o vigor necessário. Bento XVI ainda disse, que foi “Deus quem pediu para renunciar”.

A renuncia de Bento XVI causou nos meios de comunicação e também nas mentes dos fiéis. Como pode um papa renunciar? Muitos se perguntavam. Veio a tona profecias de fim do mundo, como foi o caso da Profecia de São Malaquias. Seria o próximo papa o último? Até hoje alguns acreditam nessas ideias (kkkk).

Este mês também foi marcado pelo

  1. Início da Quaresma;
  2. Campanha da Fraternidade 2013 (Fraternidade e Juventude);
  3. Morte do Bispo Emérito da Diocese de Yinchuan da região autônoma da Ningxia (China) que ficou 20 anos preso;
  4. O Papa estava certo quanto a prevenção da AIDS. Distribuir camisinha não resolve;

Em particular, além dos fatos acima, minha diocese também ficou marcada. A renuncia de Dom Odilon Guimarães foi aceita e neste mesmo mês foi escolhido um novo bispo para a Itabira/Cel. Fabriciano: Dom Marco Aurélio.

Março

papaO mês de São José, da Semana Santa, foi o mês de Francisco. Isso mesmo. O conclave foi reunido ainda em março e em pouco tempo elegeu um “papa do fim do mundo“. Os fiéis foram surpreendidos com um papa simples que antes de abençoar o povo pediu que orassem por ele.

“Vocês sabem que o dever do Conclave era de dar um bispo para Roma.; parece que meus irmãos foram buscá-lo no fim do mundo. Mas, estamos aqui. Obrigado pela acolhida. Rezemos todos juntos pelo bispo de Roma. Peço um favor a vocês: antes que o bispo abençoe o povo, peço que rezem ao Senhor para que me abençoe.” Papa Francisco ao ser eleito papa.

208925_384370521671001_2021183676_n
Histórico encontro de Francisco e Bento XVI

Francisco ainda seguiu surpreendendo o mundo. Não aceitou residir no apartamento papal, pagou a conta da sua hospedagem na Casa Santa Matta. E historicamente demostrou que a humildade seria a marca principal de seu papado ao encontrar-se com Bento XVI, e disse “Somos irmãos.

Março foi marcado por uma triste derrota pró-vida. O Conselho Regional de Medicina defendeu o aborto.

Abril

Abril é o mês do amor. E também um mês cheio de acontecimentos. Novamente a humildade do Papa chama a atenção com o gesto simples de consertar seus sapatos. Em contraponto a humildade do Papa no Brasil um tal de Padre Beto pisou e sambou sobre os ensinamentos da igreja e sobre seu sacerdócio. Resultado, foi excomungado pelo Bispo de Bauru-SP.

Enquanto um padre declarava apoio a causa gay no Brasil a França viveu a marcha de prefeitos (Juízes de Paz) contra a legalização do casamento homossexual.

No Brasil terminava a morna 51ª Assembleia da CNBB que não declarou nada em seus documentos sobre o casamento gay, aborto e outros assuntos polêmicos que a Igreja sempre se pronunciou contra.

falácia

Angola entrou para a história e proibiu ações da igrejas ditas “evangélicas” em seu território. A causa para beatificação de Dom Oscar Romero foi reaberta. Sociedade São Vicente de Paulo celebrou 200 anos do nascimento de Beato Frederico Ozanam.

Uma imagem rodou o mundo pela intolerância. Ativistas seminuas do grupo feminista Femen invadiram uma conferência em uma universidade de Bruxelas. Durante o ato as manifestantes jogaram água no arcebispo de Mechelen-Bruxelas, Andre-Joseph Leonard. O bispo não reagiu e evitou olhar para as manifestantes.

44863_569305563114926_1596646085_n

Fechando este mês de abril, não podemos esquecer da polêmica com o COL – comitê organizador da JMJ – em colocar artistas seculares para se apresentarem durante a JMJ.

Maio

O mês de Maria e das mães foi marcado por muios acontecimentos. Um deles foi o Papa admitir que também possui pecados. A CNBB publica o texto sobre as novas paróquias, que até hoje poucos entenderam do que se trata.

  1. A beatificação do Anjo Bom da Bahia completou dois anos.
  2. 7 mil jovens prometem ser castos na Guatemala
  3. A nota morninha, quase fria, da CNBB sobre a união civil homossexual
  4. Padre que já foi preso mais de 70 vezes por rezar em frente a clínicas de aborto falece
  5. O crescimento da igreja na Ásia, África, Europa e Américas

Jesus e Buda juntos. A animação baseada no mangá “Sei Oniisan” (no original), narração cômica na qual os fundadores do cristianismo e do budismo dividem apartamento em Tóquio. E no Brasil acontece a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos.

A oração foi pela unidade, mas era preciso rezara pelos falsos profetas. Pastor é preso por pedofilia e tráfico de drogas.

A vida ganhou aliados. Geneticistas afirmaram que a vida começa na fecundação. E nosso querido Papa Emérito Bento XVI volta ao vaticano em maio.

Junho

O mês de São Pedro e São Paulo tem um pedido do bispo Casaldáliga ao Papa: “que a igreja se reconcilie com a Teologia da Libertação“. A polêmica com artistas seculares na JMJ continua e a Carta dos Direitos da Família completou 30 anos.

O mês de são João Batista foi o mês das manifestações em todo o pais e o mês da “Cura Gay“. Pastor Marco Feliciano deve ter sido um termos mais buscados neste mês na internet. E por falar em internet, o Papa lança canal no Twitter em árabe.

Junho guardou também polêmica sobre a Cúria  e o loby gay. Outra polêmica foi o vídeo promocional de jovens para JMJ com a música secular da cantora Anita, de funk.

Julho

O mês de Julho abriu com as polêmicas sobre os cantores seculares. O papa dando apoio às manifestações populares do último mês e deste mês. Segundo ele “estão de acordo com o evangelho“.  Conic se manifesta contra o projeto intitulado pela mídia de “Cura Gay”. E o Padre  Murad é decapitado por milicia muçulmana na Síria.

Padre Murad e ao lado ele sendo decapitado.
Padre Murad e ao lado ele sendo decapitado.

Em julho a “Cura Gay”, como a mídia sensacionalista gostava de chamar o projeto de lei, foi retirada pelo seu proponente. Papa João Paulo II tem segundo milagre aprovado e canonização é aprovada. Vaticano desmente apoio do Papa as manifestações. Sera? E os protestantes querem protestar contra gastos do Governo na JMJ, Aff.

O Vaticano lança a Carta Encíclica Lumem Fidei, escrita por Bento XVI e Papa Francisco. E enquanto isso o aborto estava a um passo de ser aprovado no país, já a ONU reconhece que o aborto não é Direito Humano.

No Vaticano papa reforma código penal com Motu proprio. O Vaticano corrige as falhas e a CNBB aceita a PL 3/2013  que abre as portas para o aborto no país.

E começa a JMJ

Papa Francisco chega ao Brasil e mostra que é o papa do Povo.  Durante o evento o jovens se confessam.

Jovens se confessam na Quinta da Boa Vista, Rio de Janeiro, durante a JMJ 2013
Jovens se confessam na Quinta da Boa Vista, Rio de Janeiro, durante a JMJ 2013

Pastores declaram apoio a JMJ e ateus fazem desbatismo (Aff). Mais de três milhões lotam a praia de Copacabana. E a JMJ termina em polêmica com a entrevista de Francisco dentro do avião. A mídia como sempre distorce as palavras do Papa e afirmam que ele apoia a causa gay. E por fim, a próxima JMJ será na Cracóvia, Polônia, terra de João Paulo II.

Agosto

O mês da Assunção de Nossa Senhora foi marcado pela derrota pró-vida. Dilma sancionou a lei que abre as portas para o aborto no Brasil. Qualquer mulher que disser que foi estuprada pode abortar sem que tenha de fazer exames para confirmar a agressão. CNBB lamentou. Sera? Em contra partida a CNBB que aprova a lei parcialmente o Papa pede que defendamos a vida desde a concepção.

Bento XVI rompe o silêncio e afirma sobre a renuncia: “Deus me disse“.

Sobre a renuncia: "Deus me disse"
Sobre a renuncia: “Deus me disse”

Setembro

Papa surpreende participantes de marcha pela vida na Itália, assim começa o mês da Bília. E as dividas da JMJ assombram a Arquidiocese do Rio de Janeiro. Resultado, eles venderam prédios e um cemitério.

Para as feministas de plantão, a surpresa, o Femem, grupo radical feminista que ataca a igreja constantemente, é fundado por um homem. Estranho. Mais estranho, traficantes evangélicos proíbem religiões afro nas favelas. E este mês foi mais esquisito do que se pensa. Algumas notícias bizarras corretam o mundo. Como a que o Papa iria mexer no celibato dos sacerdotes, #SQN.  Imprensa boa essa.

Mas também foi o mês de aniversário do O Anunciador, 4 anos. Foi o sexto mês de pontificado de Francisco. E ainda, conhecemos outros Franciscos da Igreja.

Mais polêmica com Papa Francisco que criticou a obsessão da igreja com casamento gay, aborto e outros temas. A entrevista ao Civiltá Cattólica e a distorção midiática.

Vaticano anuncia a data da canonização de João XXIII e João Paulo II.

Outubro

Papa Francisco se reúne pela primeira vez com conselho de cardeias. Francisco exorta o povo e diz que missa não evento social. E a cúria é comparada a lepra.

Este mês foi o mês em que o Papa rezou em Assis, terra de São Francisco de Assis.

Papa reza em Assis
Papa reza em Assis

E os EUA neste mês mostraram que são os EUA. Primeiro assumiram que espionaram até o Papa. Depois a Associação de Psicanalista de lá aceitou que a pedofilia como orientação sexual, abrindo as portas para a legalização.  E os brasileiros quase morreram pelos Beagles – afirmo que sou contra os maus tratos, mas adoraria que todos fizessem os mesmo pelas crianças.

Enquanto o Papa fica mais pop com abertura de conta no Instagram, na Alemanha o servo mais caro de Deus é afastado.

Novembro

O mês é inaugurado com polêmica. Bispo proíbe missa de cura e libertação e repouso no Espírito.  O filme Blood Money estreia no Brasil.

Os psiquiatras do EUA reconhecem o erro ao chamar pedofilia de orientação sexual. E também nos EUA cidade é processada por rezar.

JMJ 2016 tem o tema escolhido pelo Papa Francisco: ”Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia”. #RumoaJMJ2016. E polêmica em Foz do Iguaçu: bispo afasta padres por terem invadido o e-mail do bispo.

Papa Francisco mostra como devemos agir com o próximo.

pt09

 

E o Papa é Pop. Francisco é o termo mais buscado na internet. E nas Filipinas uma imagem de Jesus Cristo fica de pé após passagem de super tufão que deixou 2 mil mortos no país.

Já em Campinas, uma igreja é atacada por vândalos.

Papa Francisco lança primeira Exortação Apostólica: Evangelii Gaudium (Alegria do Evangelho). E ossos de São Pedro são apresentados no Vaticano.

Papa abençoa as relíquias de São Pedro durante a missa de encerramento do Ano da Fé
Papa abençoa as relíquias de São Pedro durante a missa de encerramento do Ano da Fé

Fim do Ano da Fé e Cristo Rei do Universo.

Dezembro

Dezembro começa com uma boa notícia para os católicos do Brasil em especial do Pará. O Círio de Nazaré é reconhecido como patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.  Papa Francisco revela que foi segurança de boate na Argentina.

Papa Francisco

Uma tragédia. Governos adota cartilha de orientação sexual que mais parece um livro pornô. Alemanha também tem a sua.

O cardeal arcebispo de São Paulo, dom Odilo Pedro Scherer, foi nomeado pelo Papa Francisco como membro da Congregação para a Educação Católica. O cardeal está entre os 11 novos membros nomeados para o dicastério.

Morre Nelson Mandela.  Morre Paul Walker, ator de Velozes e Furiosos, que deixou um filme para estreia ano que vem que fala sobre a vida.

Angola entra para a história é o primeiro país a proibir a prática do islamismo em sue território.

E o Papa Francisco é mais falado no Facebook no ano de 2013. Celebra sua primeira Missa do Galo.  É eleito a pessoa do ano pela revista Time. Completou 44 anos de sacerdócio e 77 anos de vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s